Famílias

 

Uma vez que a questão da surdez é sensível na sociedade, havendo várias perspetivas sociocientíficas que levam a respetiva temática a oscilar entre os polos da Surdidade e da Deficiência Auditiva. Ora, é facilmente concebível a ideia de que os familiares, principalmente aqueles que nunca tiveram contacto com a Comunidade Surda, se encontrem num momento de vulnerabilidade onde emergem diversas questões sobre a educação e o futuro da criança que nasceu surda.

Neste sentido, a Associação Portuguesa de Surdos (APS) organiza semanalmente sessões de família, onde se abordam os temas de acordo com as necessidades da criança e da família. Nas sessões, também há uma aquisição de vocabulário em Língua Gestual Portuguesa (LGP), de forma a garantir uma comunicação acessível, e uma partilha com outros familiares.

Assim, a APS organiza anualmente a Festa de Natal para crianças, para que exista um espaço inteiramente dedicado a elas e aos familiares num ambiente propício para a LGP. Noutras ocasiões, eventos extra poderão ser organizados, direta ou indiretamente, em conjunto com outras instituições, como foi o caso do Encontro de Famílias da Associação de Amigos e Famílias de Surdos (AFAS).